Skip Navigation Links
HOME
QUEM SOMOS
VIDA DA PO
CONCÍLIO VATICANO II
GALERIA DE FOTOS
FALE CONOSCO
MEMÓRIASExpand <b>MEMÓRIAS</b>
LOCALIZAÇÃO
LINKS
 
Busca:
 
Imagem
  
VIDEOS [+] mais
  
Depoimentos
SUDESTE / SUL
ROMARIA DOS/AS TRABALHADORES/AS!

 Celebrar a fé e a vida com a força do povo!


 
A entrevista coletiva de imprensa anual do Grito das/os Excluídas/os aconteceu no dia 31 de agosto, na sede da CNBB Regional Sul 1 em São Paulo.

A mesa de entrevistadas/os contou com: Dom Eduardo Vieira dos Santos, Bispo da região Sé/SP, representando a CNBB; Bruna Silva, mãe do menino Marcos Vinícius, assassinado pela Polícia no Rio de Janeiro; Plínio de Arruda Sampaio Júnior, economista e professor da Unicamp; Rosilene Wansetto, da coordenação do 24º Grito das/os Excluídas/os e Mônica Fidélis, coordenadora nacional da Pastoral Operária, que participou da mesa, representando a coordenação da 31ª. Romaria das trabalhadoras e dos trabalhadores.

Mônica reafirmou as denúncias feitas pelas/os integrantes da mesa sobre os males que o povo brasileiro e imigrante vem sofrendo nesta conjuntura, acrescentando os assassinatos das/os trabalhadoras/es pelos acidentes no trabalho. Também ressaltou a violência sofrida pelos imigrantes, que chega a devastar sua condição de seres humanos.

Ela porém, não apresentou somente denúncias, mas também sinais de esperança, apontando movimentos de luta e resistência: de mulheres, jovens, indígenas, quilombolas e de toda classe trabalhadora. Afirmou que a grande mídia não divulga essas lutas, mas elas acontecem em grande quantidade e representam pequenas revoluções que alimentam a força do povo. Dentro destes sinais de esperança, estão as romarias, como Romaria da Terra e das Águas, dos Mártires e a nossa Romaria da classe trabalhadora, que vem para denunciar injustiças, reforçar esperanças e superar indiferenças. E, acima de tudo, para celebrar a fé e a vida.

 

PROGRAMAÇÃO DA ROMARIA E GRITO DOS/AS EXCLUÍDOS/AS

           

No dia 7 de setembro, em Aparecida, os/as romeiros/as seguem a seguinte programação:

6h30 – Concentração no Porto Itaguaçu, onde segundo a história, foi encontrada a imagem de Nossa Senhora, por pescadores, em 1717.

7 horas – Mística de oração no Porto Itaguaçu.

8 horas – Início da caminhada do Porto Itaguaçu até o Santuário, com palavras de ordem, cantoria e reflexão sobre questões da classe trabalhadora.

9h15 - Grito dos excluídos e das excluídas com o tema: “Desigualdade gera violência: basta de privilégios!”

10h30 - Missa dos romeiros trabalhadores na Basílica – Santuário de Aparecida.

 

ENCONTRO DA PO REGIÃO SUDESTE

 

Desde a Assembleia da Região Sudeste, saímos com a proposta de realizarmos um encontro de Articulação da Pastoral na Região para 2018. Temos por objetivo nos encontrarmos enquanto região de grande concentração de trabalhadores, maior região industrial do país, e com grandes desafios pastorais, para partilhar a vida da militância, as ações e os sonhos. Por isso, o encontro tem como tema Espiritualidade da Militância.

O encontro acontecerá em Aparecida-SP, após a Romaria das Trabalhadoras e Trabalhadores. Cada estado deve arcar com as despesas de viagens e contribuir com a alimentação a partir da lista de produtos necessários, disponibilizados pela organização [anexo].

 
Dias: 07 a 08 de setembro de 2018.

Horário: 15h do dia 07/08 [encerramento dia 9 com café da manhã].

Local: Escola Municipal José Geraldo L. Valadão, rua Itaguaçu, Aparecida-SP.

 

PROGRAMAÇÃO DO ENCONTRO

Painel 01: Espiritualidade da Militante e do Militante. [Mística e Roda de Conversa – partilha da vida - convivência].

Dinâmica: Pedras, Flores, Sonhos.
Painel 02: VER - a realidade do mundo do trabalho no sudeste.
Painel 03: JULGAR – A presença da PO no sudeste.
1.      Como está articulada a PO?
2.      Ações que desenvolvem?
3.      Quais as dificuldades e avanços?

Painel 04: AGIR – Ação Comum da PO no Sudeste [por estado] + calendário do próximo encontro.

1.      Como podemos nos ajudar?
Celebração com as famílias.


  

 
< Voltar para a página anterior
 
  Endereço: Rua Guarapuava, 317 
Bairro: Mooca - São Paulo - SP - CEP 03164-150
 email: pastoral.operaria.nacional@gmail.com  e contato@pastoraloperaria.org.br
Tel.: (11) 2695-0404/ Fax.: (11) 2618-1077